Você deve comprar backlinks para aumentar seu tráfego orgânico? Sim, você deve, mas de onde você deve comprar backlinks de qualidade, e o que você deve considerar ao comprar backlinks? Vamos ver juntos nesse artigo a melhor forma de comprar backlinks de qualidade no Brasil, para que seu site consiga as melhores qualificações do Google!

Comprar backlinks é uma boa idéia?

Muitas pessoas podem recorrer as as Diretrizes para webmasters do Google para resolver essa questão. Mas antes de tudo, gostaria de deixar claro que a compra de um backlink vindo de um site com o mesmo tema, ou do artigo do mesmo assunto do link a ser enviado NÃO CAUSA A PENALIZAÇÃO DO SITE.

No passado, muitas pessoas compravam backlinks de péssima qualidade, vindos de sites que não possuiam qualquer autoridade do Google, cheios de spam e que também tratavam de todos os assuntos possíveis.

Relatório de diretrizes do Google
Relatório de diretrizes do Google

Mas se você olhar com atenção essa indicação, verá que quando os temas dos dois sites, ou dos artigos são semelhantes, perceberá que é impossível a gigante do posionamento orgânico descobrir se houve qualquer remuneração pelo backlink criado.

Com isso bem esclarecido, vamos focar no que realmente importa: Como comprar backlinks de qualidade:

Por que as pessoas compram backlinks

Se você já procurou algum serviço de venda de backlinks, já deve ter uma noção de por que comprar um backlink, mas vamos rever os principais pontos.

1 – Resultados mais rápidos

No passado, muitos sites de qualidade recebiam backlinks de outros sites menores de forma orgânica, o que ajudava ainda mais a sua classificação nos resultados de pesquisa.

Mas há alguns anos isso não acontece mais, pois as pessoas já perceberam que poderiam vender os backlinks de seus sites, se esses já tivessem uma grande autoridade pelo Google.

Antigamente, o processo de receber um backlinks passava pelas seguintes etapas:

  • Você passava horas ou até mesmo dias pesquisando a fundo para escrever um conteúdo perfeito;
  • Você passava dias ou até semanas pesquisando parceiros para indicarem seu artigo em seus sites;
  • Você mandava solicitações, e-mails, sinais de fumaça para todos os blogs e sites do mesmo setor;
  • Você rezava, fazia promessas e trocava a mãe até por um bom backlinks de qualidade;
  • Se, e somente se, sua mensagem fosse respondida, você deveria fazer também um texto para indicar o outro site, independente da qualidade do conteúdo dele;

Esse processo gastava um bom tempo dos administradores do site. Tempo que poderia ser usado para escrever mais artigos, melhorar a velocidade do site, entre outras atividades.

Pelo que você percebeu, mesmo assim a construção dos backlinks não poderia ser considerada “natural”, como as diretrizes do Google indicam.

Nesse ponto, você já deve ter percebido que atualmente as pessoas não compram backlinks por preguiça, e sim para economizar tempo, não precisando entrar nesse looping de decepções como antigamente.

E muitas pessoas desistiam de manter toda essa rotina pouco eficiente (perca de tempo) e começaram a criar as famosas PBN – Redes privadas de blogs e sites, que tinham pouca autoridade, pois era impossível manter uma rede de sites com um ótimo controle de qualidade.

Para criar essas redes, as pessoas mantinham uma rotina de tarefas igualmente gastante de tempo:

  • Os donos de sites procuravam dominios antigos;
  • Eles precisavam comprar (por muito $$$) o domínio, e registrar em uma hospedagem diferente (mais $$$ ainda);
  • Os donos ainda tinham que subir um CMS, geralmente o WordPress, escolher um tema, e passar mais algumas horas fazendo o ajuste fino;
  • Depois de criar um bom tanto de conteúdo, depois da indexação, depois de algum rankeamento – só depois de algumas etapas, era indicado começar a fazer o apontamento para os outros sites.

Depois de tudo isso, muitos entendiam que essa rotina ocupava um tanto de tempo igual a quando ficavam pedindo backlinks para outros sites.

Novamente, repito: Comprar backlinks de qualidade irá te economizar acima de tudo tempo!

Antigamente, no Brasil, era preciso desembolsar até R$ 1.200 reais em um backlink de qualidade. Hoje, algumas empresas como a SEOBACKLINKS vendem backlinks por preços mais acessíveis a todos os brasileiros que estão entrando no mercado digital.

E comprar backlinks não parece ser uma ideia tão negativa quando muitas pessoas pensam. Em vez de você passar por todas essas rotinas chatas descritas acima, você pode simplesmente se dedicar as outras atividades do seu site como criação de conteúdo, otimização do tempo de abertura do seu site, UX e até mesmo a divulgação do seu material em outras plataformas de conteúdo.

Mas como comprar backlinks de qualidade

No mercado livre e em outros sites de venda de produtos digitais é muito comum a oferta de milhares de sites a um preço baixo. Mas antes de sair comprando esses backlinks que nada ajudam seu site, saiba que é preciso passar por uma série de analises antes de iniciar essa estratégia em seu site.

1 – Quantos backlinks eu preciso para o meu site?

Comprar menos do que devia não vai te trazer os resultados esperados, assim como comprar muito mais do que devia irá te fazer gastar muito dinheiro.

Para saber exatamente quantos backlinks você precisa, primeiro entre na ferramenta Ahref , na aba Keywords Explorer, e digitar a palavra para qual você quer que seu site apareça.

Campo de Keywords Explorer

Claro que esse número não será exato, pois há muitos outros fatores que afetam a classificação de um site, mas o número quase sempre é bem próximo.

Página de estimativa de backlinks

Nesse caso, alcançar os primeiros lugares do Google seria impossível, mas veja o termo que usamos – SEO no mercado americano.

2 – Qual a qualidade dos links que você precisa?

Tratando-se de backlinks, a qualidade é tão importante quando a quantidade. Como disse acima, não importa se você tiver milhões de backlinks ruins, em nada disso ajuda o Google.

Na ferramenta Ahref, também é importante analisar a força desses backlinks. Separe algumas horas do seu dia, e veja o DR – Classificação de Domínio – dos seus sites concorrentes.

Essa parte da análise também irá ajudar a entender a força do dominio raiz do seu site em comparação com seus concorrentes. Tenha em mente que não só as páginas e posts precisam de bons backlinks, mas a HOME do seu site também.

A ferramenta AHREF também informa os dominios de referências que são usados para fazer backlinks na home do site. Na figura abaixo, comparamos as três gigantes ferramentas de pesquisa mundiais – MOZ, SEMRUSH e AHREF.

Ahref – comparação de dominio raiz

3. A escolha do texto âncora

No passado, era muito comum usar o mesmo texto âncora para qualquer página, para “obrigar” o Google a classificar essa página para esse termo.

Porém, com o tempo, o Google entendeu que essa prática não era natural, e começou a punir, e depois a somente desconsiderar essa encheção de saco.

Para se manter da linha segura, procure variar os textos ancorâs para suas páginas. Por exemplo, uma página que fala sobre organização de processos poderia ter os seguintes termos como textos âncoras:

  • Como organizar melhor seus processos;
  • Estratégias de organização de processos;
  • Forma correta de guardar processos;
  • Ferramentas para manter os processos organizados;

Todas as opções falam do mesmo assunto, mas focam em partes diferentes da página, que deve por obrigatoriedade cobrir todos esses sub temas.

Caso sua página tenha que receber centenas ou milhares de backlinks para ranquear no Google, mantenha a corrêspondencia de texto usada em menos de 1% dos backlinks criados.

Também é uma boa ideia verificar os primeiros colocados, e descobrir quais os textos ancôras o Google está considerando como mais importantes para esses assuntos especificos.

4. Cronograma de backlinks

Parece natural para você receber 200 backlinks do dia para a noite? Não né, nem para o Google. Não compre milhares de backlinks de uma só vez, e depois deixar a nau deriva sua estratégia de backlinks.

Faça um cronograma de quantos backlinks você cria por semana, e vai medindo as diferenças no seu rankeamento. Mantenha um certo nivel de mudanças, por exemplo:

  • Na primeira semana, 15 bons backlinks;
  • Na segunda semana, 3 ótimos backlinks;
  • Na terceira semana, 2 bons backlinks;
  • Na quarta semana, 6 ótimos backlinks.

Essa alternância mantém o Google sempre de olho em seu desempenho. Mesmo que o Google realize auditorias do Google só depois de alguns dias, vale a pena deixar ele bem surpreso quando analisar novamente seu site.

5. Finalmente – comprando backlinks de qualidade

Vamos lá, chegou a hora de escolher um backlinks de qualidade, para te ajudar a subir nos resultados de pesquisa do Google.

Primeiro, vamos entender quando um site pode ser considerado de qualidade, e quando ele não pode ser considerado bom para a sua estratégia.

Sites que não são bem vistos pelo Google:

  • Sites sem conteúdo;
  • Sites que são feitos somente para isso;
  • Sites de perfis, que não informam nada;
  • Sites que não possuem nenhuma página rankeada;
  • Sites que não recebem backlinks de outros sites de autoridade;

Sites sem contéudos não possuem autoridade, logo não poderiam passar autoridade para o seu site, certo? Isso vale também para os sites feitos somente para isso, que são nulos de qualquer motivo para o Google entender que se trata de um portal de conteúdo relevante.

Os sites que não possuem nenhum tráfego orgânico também devem ser evitados – Se o Google considerasse que esses sites tivesses alguma autoridade, eles também estariam rankeando, certo? Entendeu onde eu quis chegar?

As páginas dos sites que você escolher devem também ter algo a dizer. Não basta fazer um conteúdo fraco e colar em todas elas.

Por isso, recomendandos a SEOBACKLINKS, que possui uma rede enorme de sites de qualidade, com muita autoridade e também com tráfego orgânico – a um valor acessível.

Onde você não deve comprar backlinks

Agora que você já aprende o que deve considerar em uma estratégia de backlinks, já vai conseguir fugir de várias enganações e ciladas do mercado.

Backlinks do Fiverr vale a pena?

Você já deve ter ouvido falar do Fiverr, uma plataforma de serviços digitais, onde exitem milhares de pessoas anunciando centenas de milhares de backlinks por U$ 5, ou um pouco mais.

O problema desses serviços é a qualidade dos backlinks. Muitos são feitos usando robôs, que não são considerados pelo Google. Além disso, muitos sites não são nem indexados. Me parece lógico, pois esses sites não teriam nada a oferecer, por que raios o Google indicaria esse conteúdo chulo para alguém?

Backlinks do Mercado Livre vale a pena?

O mesmo podemos dizer para o Mercado Livre. Muitos apenas vendem o serviço, e depois compram do Fiverr e de outras plataformas o serviço, colocando uma margem gorda no meio do processo.

Como forma de diferenciar se um site oferece backlinks de qualidade ou não, solicite um exemplo. Qualquer coisa como siteestranho.com, com uma aparência estranha, não parece uma boa opção para investir. E se ele não tiver nem uma página rankeada, pior ainda.

A importância dos temas relacionados

Além da autoridade do site, também é importante considerar se o assunto da página, do post e do site tenha alguma relação. Um site poder ser a referência brasileira em automobilismo, porém ele não é uma autoridade em fitness, e nem deveria apontar outros sites desse tema – a não ser que fale sobre uma academia feita em um motor home.

Sempre procure um site que possa tratar de outros assuntos com neutralidade. Um site sobre maternidade pode falar sobre perder peso após gravidez, trabalho em casa após gravidez e também cursos para mulheres que acabaram de dar a luz.

Mas lembre-se: o post deve ser dos dois assuntos. Dessa forma, seu site receberá integralmente o voto de confiança do Google.

Quanto eu devo investir em backlinks

SEO é uma maratona, eterna, não um sprint de cem metros. Não adianta cirar milhões de backlinks e esquecer que o Google está sempre reavaliando os backlinks para um site.

Mesmo se você ainda ter poucos recursos para investir, a SEOBACKLINKS possui um plano abaixo dos R$ 100. Investindo a partir disso, seu site estará em boas mãos em relação a estratégia de backlinks.

O maior benefício do tráfego pago, que é o objetivo de quem investe em SEO, é o altissimo retorno sobre investimento. SEO é a das forma mais eficaz de conseguir gerar mais vendas com seu site, ou qualquer outro objetivo que seu projeto tenha.

Considere que SEO é uma estratégia a longo prazo, mas que traz um retorno ótimo. Se eu pudesse te dar apenas uma dica sobre isso, seria essa:

Invista em backlinks de qualidade

Conclusão

Agora você já sabe como comprar um backlink de qualidade, o que você deve considerar e quais você deve manter longe do seu site.

Bons backlinks economizam tempo, e irá fazer seu site ter muito mais tráfego do que teria se você esperasse backlinks cairem do céu.

Vou deixar aqui abaixo a melhor ferramenta de backlinks manuais brasileiros, que vai te ajudar a montar a melhor estratégia dentro da sua condição de investimento.