Com 24 anos de atuação no mercado de Belo Horizonte, a Criativa mapeia oportunidades para melhoria organizacional em áreas como marketing, vendas e serviços para que sua empresa atinga os melhores resultados. Clique e saiba mais
Interim Manager (Gestor Temporário de Projetos) Planejamento e Gerenciamento de Marketing Business Intelligence (BI) para área e equipes de vendas Consultoria em Gestão do Relacionamento com Clientes (CRM) Consultoria em Gestão de Call Center e Telemarketing Treinamentos e Cursos Executivos
Terça, 16 Outubro 2012 12:09

Globosat adota 'nuvem' da Microsoft

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

11/10/2012

Por Cibelle Bouças

A Globosat, programadora de TV por assinatura e dona de 36 canais, mudou parte da estrutura de tecnologia da informação (TI) para reduzir custos e melhorar o desempenho. A companhia adotou o sistema de gestão de relacionamento com clientes (CRM) e o serviço de mensagens eletrônicas da Microsoft, ambos baseados na chamada nuvem computacional. Em vez de instalar os programas nos computadores próprios, os softwares ficam em centros de dados da Microsoft e podem ser acessados via internet.

A programadora já adotava alguns softwares na nuvem, como um programa que permite gravar conteúdos 24 horas por dia em diferentes praças e um software para receber peças publicitárias e assinaturas via web. Na área de mensagens, os 2 mil funcionários da Globosat adotaram o correio eletrônico Office 365, com capacidade de armazenamento de 25 gigabytes (Gb) por usuário.

O próximo passo, diz Sergio Fiuza, gerente de novas tecnologias da Globosat, será a adoção de ferramentas como Lync, Messenger e o pacote Office (Word, Excel, Search Point). "A perspectiva é que a migração desses softwares para a nuvem seja feita em 2013", disse.

Sem citar números, Fiuza disse que o correio eletrônico na nuvem proporcionou uma economia de 70% a 80% em relação ao investimento que teria de fazer para atualizar o serviço de e-mail anterior e aumentar a capacidade de armazenamento. Os servidores que eram usados para manter no ar os serviços de e-mail serão aproveitados em outros projetos, nas áreas de transmissão ao vivo de programação, melhoria do sinal para computadores e tablets e na retransmissão de sinal em alta resolução.

Na área de software de gestão de relacionamento com clientes, a Globosat usava diferentes programas para administrar os contatos de fornecedores, como operadoras de TV, produtoras, agências de publicidade e empresas de TI. As áreas comercial e de marketing faziam manualmente a atualização desses dados em cada software, disse André Oliva, gerente de sistemas de comercialização e Business Intelligence da Globosat.

Com a "nuvem", a Globosat passou a usar softwares que operam de forma integrada, o que permite a atualização automática de dados para toda a rede de usuários. "O tempo gasto para atualizar um contato em todas as plataformas baixou de cinco minutos para um", disse Oliva. A companhia também adotou softwares de análise de dados de negócios. Todos esses programas podem ser usados com tablets e smartphones com acesso à internet. O pacote de programas é usado por 100 funcionários da Globosat e mais 35 a 40 usuários da área de logística devem adotar as ferramentas até 2013.

Os valores dos contratos são mantidos em sigilo pelas companhias. A adoção, pela Globosat, de programas na 'nuvem' está em linha com a tendência indicada para o mercado empresarial de software. Um estudo da recente da consultoria IDC revela que, no Brasil, 18% das companhias de médio e grande portes adotam aplicações na nuvem. Até 2013, essa fatia aumentará para 30% a 35%. De acordo com a Frost & Sullivan, 54% das companhias de grande porte adotam software e serviços na nuvem.

"O software na nuvem é muito adequado para a cultura brasileira, por ter um custo de aquisição mais baixo", afirmou Eduardo Campos, gerente-geral de Office da Microsoft. Ele disse que a demanda no Brasil está aquecida e o volume de vendas neste ano está oito vezes maior que em 2010, quando a companhia americana lançou no país a primeira versão dos softwares na 'nuvem'. O Office 365 é usado no Brasil por 200 mil empresas e 40 milhões de usuários.

A Microsoft não divulga o número de usuários do CRM no país. No mundo, a versão do software na nuvem é usado por 40 mil clientes e 3 milhões de usuários, disse Antonio Moraes, gerente-geral de soluções de negócios da Microsoft. "O cenário no país indica uma adoção crescente do CRM na nuvem. Muitas companhias no Brasil já abandonaram a instalação de softwares em suas máquinas", disse.

http://www.valor.com.br/empresas/2863480/globosat-adota-nuvem-da-microsoft#ixzz29TXkptcw

Lida 13683 vezes
Ivagner

Formado em Ciências Contábeis pela FACE-UFMG, Pós-graduado em Marketing e em Consultoria Empresarial, com especialização em Marketing de Varejo pela Youngstown University de Ohio – FIA/SP. Mestrando em Comércio Internacional.

Profissional com grande experiência em empresas como Volkswagen do Brasil, Localiza, Banco Crefisul, Grupo BMG. Há 15 anos consultor em organizações como AssoHonda, Arezzo, Correios, Jornal Estado de Minas, Banco Pottencial, RM Sistemas e de outras 140 empresas dos mais variados portes e segmentos.

Instrutor do SEBRAE, TELEMAR, CEMIG, FIEMG, Fundação UNIMED e Caixa Econômica Federal, dentre outras.

Professor de Marketing em diversas faculdades no Brasil e convidado da Fundação Dom Cabral, Ibmec, Fundação Getúlio Vargas e da University of Tennessee at Martin (etapa Brasil).

Diretor da Criativa Marketing & Solutions.

ivagner@criativamarketing.com.br

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

document, file, find, search, text, view icon Artigos
Referências para os nossos trabalhos de pesquisa.
female, friends, group, male, users icon CRM
As melhores soluções e tecnologias para Gestão do Relacionamento com Clientes
blog, edit, note, write icon Colabore
Participe com publicações e ideias e seja um co-autor deste site

Catálogo de Serviços

Clique para ver em tela cheia

Criativa no Facebook

Receba News

Videos e Palestras

videos

Slides e Apresentações


slides

Livro: Marketing para Finanças

Voluntariado


voluntariado

Acesso

Faça seu login e participe!